TÂMEGA EM FORTALEZA!

DSC_0014 2

Quando comecei no bodyboarding, surfando as espumas do Lido, na Praia de Iracema, aqui em Fortaleza, no final da década de oitenta, passei também a admirar às belas performances por conta de “freesurfers shows” de dois dos maiores bodyboarders cearenses da história do esporte, Rogério Biola e o temido Francisco Rosa. O Lido foi palco por muitos anos dessas apresentações inesquecíveis.

Tomado por uma paixão pelo esporte, diante do que assistia constantemente no referido pico, comecei a me aprofundar sobre a história, até então, do bodyboarding e a acompanhar toda a trajetória dos melhores competidores, época que havia muitos, desde esses cearenses, passando pelas irmãs Nogueira, Xandinho, Glenda  kozlowski, chegando no maior de todos: Guilherme Tâmega.

Segundo Paulo de Tarso, o “Mano” – um dos maiores árbitros de bodyboarding da história e atualmente um dos head-judges da única entidade especializada da arbitragem nacional, a ACEAB (Associação Cearense dos Árbitros de Bodyboarding) – Tâmega é o maior de todos, pois conseguiu seis títulos mundiais quando o circuito já tinha etapas em vários países, diferente do havaiano Mike Stewart que obteve nove títulos mundiais de um campeonato restrito somente às ondas de Pipeline, no Hawaii.

Pois bem, devido sua aposentadoria nas competições e seu novo desafio empresarial, o cara esteve na Terra do Sol no começo desta semana e proporcionou a realização de um sonho pessoal de conhecê-lo e tenho certeza que isso ficará eternamente gravado na memória de todos que aproveitaram, talvez, a única oportunidade para estar ao lado do ídolo. Mais especial ainda para mim, foi o fato de ter feito a cobertura fotográfica dessa passagem fenomenal, pois presenteei inúmeros adolescentes apaixonados pelo esporte com um registro que demorou à minha pessoa mais de três décadas para conseguir.

Parabéns à FBCE (Federação de Bodyboarding do Ceará) e, principalmente, à High Score Boardshop – na pessoa do Tainan Monte – pelos esforços empreendidos para a concretização de tudo isso.

Um comentário

  1. Bom dia!! Parabéns meu amigo Marley Araujo, por esse excelente trabalho de fotografia que realiza. Estávamos precisando de pessoas como você para da continuidade a esse trabalho, de leva o bodyboard cearense ao profissionalismo. Não que muitos não o fazem, mas foca no esporte é o que precisamos no momento. O seu blog vem engrandecer o nosso amando bodyboarding. Guilherme Tamega é o nosso Ícone. Devemos muito a esse “cara” Que foi lá, e viveu de perto o que é ser brasileiro, Quando se moro fora do país, é que sabemos o real valor do ser próprio, e das origens ao qual pertencemos, e quando estamos de frete com a situação, é que sentimos na pele a dor ser condenado por ter de origens ” tupi “. Ser bodyboarder, não é somente ir para água, e detonar com as ondas, é também saber de onde viemos, e a qual origem, e raízes que termos. Orgulho de ser cearense, tem que prevalecer acima de tudo. Que Deus te abençoe nessa nova caminhada da vida terrestre. Muita paz para você meu amigo!!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s