2º CURSO DE FORMAÇÃO DE ÁRBITROS

DSC_00028

Um dia depois de completar um ano e oito meses que terminei o curso que me levou à condição de árbitro de bodyboarding, tive a oportunidade e grande alegria de já ministrar uma aula no curso seguinte, o “2º Curso para Formação de Árbitros”, ambos realizados pela ACEAB (Associação Cearense dos Árbitros de Bodyboarding) e na gestão alucinante, como também completamente atual, que Amadeu Júnior faz à frente da entidade.

O 2º curso terminou ontem e, portanto, ocorreu nos dias 10 e 11 do corrente mês (agosto), numa escola pública desta urbe, e fui o primeiro a expor um dos três módulos. Amadeu Júnior, presidente da entidade, me conferiu a responsabilidade de tratar da história do esporte, e tive que preparar, inclusive, o texto que em sala foi entregue a cada participante.

O texto foi divido em quatro partes: a primeira tratando da invenção de Tom Morey, a seguinte sobre a chegada do esporte no país e seus principais colaboradores, a terceira parte apontando os dois maiores atletas brasileiros e a última, para mim a mais especial, sobre a história cearense do esporte, algo até então inédito, por incrível que pareça.

Nas três primeiras partes do material, coletei as informações através de pesquisas na web, entretanto, na última – e por isso ela é especial – o trabalho se deu com o testemunho de três lendas vivas do esporte (por meio de áudios no whatsapp): Miguel Ângelo e Paulo de Tarso, ambos head-judges da ACEAB, além do primeiro campeão estadual da história do circuito cearense, o grande “Rogério Biola”.

O início na Ponte Metálica, a utilização das “madeirites”, os pioneiros, o primeiro campeão e o primeiro fenômeno (Francisco Rosa), as primeiras grandes vitórias e os maiores vencedores até então, foram tratados nesta resumida biografia cearense do esporte.

Agradeço a ACEAB pela oportunidade, mas principalmente ao presidente da entidade, Amadeu Júnior, pela confiança depositada na minha pessoa, não esquecendo, claro, dos inúmeros incentivos do Paulo de Tarso, o “Mano”, bem como do grande Miguel Ângelo. Gostaria também de externar, através deste meu blog, o imenso amor pelo esporte desses gigantes, pois estão dando início a um grande projeto para a memória dessa linda história cearense do bodyboarding: um livro.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s