DO CAÇA E PESCA PARA O MUNDO

Dando continuidade à tradição cearense de ter grandes atletas no bodyboarding, nosso estado acabou de apresentar para o planeta, na etapa brasileira do mundial deste ano, sua nova estrela, e com uma trajetória fenomenal, já que tem apenas cinco anos no esporte.

Diego Vieira Gomes, ou somente Diego Gomes, como é conhecido, nasceu em Fortaleza, tem 17 anos de idade, mora com a mãe, o padrasto e três irmãos, dentre estes, Mateus Gomes, bicampeão cearense (estreante 2014 e iniciante 2015).

Iniciou no esporte no ano de 2011, na Praia do Futuro, defronte a barraca Itapariká, no projeto Bodyboard com Saber, da atleta profissional Patrícia Setúbal, que também lhe presenteou com a primeira prancha. Começou a competir no ano seguinte, em 2012, mais precisamente na “Praia dos Coqueiros”, Caça e Pesca, nos bodytreinos locais da “nova” escolinha GBB (Geração Bodyboard), já que naquele ano houve uma fusão da antiga, do Vagner Gomes, conhecido por “Van Gomes”, com o projeto da Patrícia e um outro do árbitro da ACEAB, Reginaldo Cabral, denominado Projeto Surf com Vida. Ainda na mesma temporada, estreou no circuito cearense na categoria correspondente, e no ano seguinte, 2013, avançou para o nível iniciante. Em 2014, já como amador, obteve seu primeiro grande resultado ao terminar em quarto, na única etapa do circuito brasileiro, ocorrida em Itacaré, Bahia, no evento Mahalo Bahia Bodyboarding Show.

Seu primeiro título cearense (open 2015), conquistou após vencer a categoria na etapa unificada do último mês de fevereiro. Na oportunidade, como ela também serviu como a primeira de 2016, Diego resolveu se profissionalizar e acabou ganhando, conjuntamente e de forma espetacular, a profissional, batendo na final o “exemplo de superação”, Eduardo Freitas (2º); o megacampeão, Roberto Bruno (3º); e aquele que acabou conquistando o título cearense 2015 da categoria, João Paulo “Jeff” (4º).

DSC_7546 DSC_7548 DSC_7554

Mas, foi no mês passado, que Diego “Monster” Gomes cravejou definitivamente seu nome entre os grandes do bodyboarding cearense, ao se tornar o primeiro brasileiro a vencer uma das categorias da atual etapa brasileira do mundial, no circuito desde 2012, na alucinante Itacoatiara, em Niterói/RJ. E, além de conquistar a Pro Jr ganhando todas as baterias que disputou desde a triagem, na última delas derrotou também os atuais campeão e vice do mundo, ou seja, os cariocas Sócrates Santana e Matheus Bastos, respectivamente.

Hoje, acabou encerrando sua primeira participação fora do país, nas quartas-de-final da grande etapa do Chile, em Arica, entretanto, mantém grandes chances de se tornar o primeiro cearense campeão mundial na Pro Jr, e no masculino.

2 comments

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s